Quem somos nós e como nós pensamos

Reconhecer e aceitar a responsabilidade global

O Brasil09 é uma associação de desenvolvimento dos jovens da Alemanha e do Brasil. Nós somos estudantes e ex-alunos da escola „Waldorf em Sorsum" da região de Hanôver e jovens do nordeste do Brasil, localizado no estado do Piauí uma pequena cidade chamada Porto-Marruás. Juntos desenvolvemos projetos coletivos para o nosso futuro moldar de acordo com as nossas expectatívas de vida de forma justa. Nós encaramos organizar, financiar e realizar. Quando nós não sabemos algo, fazemos com que possamos aprender mesmo assim ou trabalhamos com o princípio de aprender fazendo.

Somente alguém que pode desenvolver e fazer um trabalho de desenvolvimento

No início o nosso projeto era somente um sonho de mudar, transformar algo com toda nossa força. Por exemplo, um lugar de formação „especialização” para que os jovens podessem trabalhar e não deixar de sair da sua terra natal. Nós refletimos em qual chance oferecer a região e como podiamos beneficiá-los. Os jovens tem muitas idéias, mas muitas vezes falta á coragem ou o capital inicial para eles realizarem. Para que nós possamos juntos trabalhar em igualdade, nós jovens alemães aprendemos a falar o português e os jovens brasileiros têm aulas de inglês. Nós dividimos as tarefas para que todos possam contribuir com suas habilidades, tanto em Porto como também em Sorsum, aprendemos a fazer os planos „planejamentos” financeiros, a manter registros, fazer propagandas para termos patrociníos e colocar em público. Portanto, temos cinco anos de trabalho com o nosso bar de Coquetel „Brasilikum”, onde em eventos na escola em apresentações teatrais, festivais em cidades e festas de aniversários vendemos bebidas de frutas. Para as tarefas concretas não há livro do professor, nós temos que fazer com nossas próprias experiências. Para nos ajudar, o princípio vêm de todas as pessoas e dos participantes independentemente de qualquer continente eles possam vir.

Contra a injustiça é para cada um de nós

Para afim de moldar o futuro, nós temos que fazer mais do que absolutamente o nescessário hoje. Além de exames finais, tarefas de matemática, aulas de teatro, aulas de violoncello, treinos de futebol, encontrar amigos-na verdade temos obriagações estudantís e suficiente e prazos. Mas quem já participou de um encontro de intercâmbio no Brasil ou na Alemanha, sabe que tem que está disposto para um grande compromisso que tem que ter. O desejo de ver os amigos de Porto rapidamente é a maior força que significa para nós podermos seguir em frente. Isso é a diferença que faz para projetos de desenvolvimento. Nós não oferecemos apenas qualquer coisa para as crianças do terceiro mundo, nós sabemos os nomes, as histórias e os sonhos de cada um dos nossos amigos no Brasil. E quando estamos juntos, nos damos conta de que nós mesmos nos ajudamos a fazer tanto como eles.